Escolha uma Página

Quando esfoliamos a nossa pele, temos que ter alguns cuidados e temos que conhecer bem o tipo de pele que temos. Descubra, neste artigo, qual o esfoliante adequado à sua pele.

De acordo com os vários tipos de pele, tem que ter certos cuidados e atenções, adequando os tipos de produtos e tratamentos ás necessidades da mesma. Ora veja:

PELE SECA
A pele mais ressequida pode ser um obstáculo a penetração do hidratante na pele, assim como pode deixar o óleo ficar à superfície, o que pode originar pequenas inflamações. O ideal é que opte por esfoliantes menos agressivos e que possuam vitamina B5.

PELE OLEOSA
Esfoliantes ativados com atrito (pequenos grãos) não são aconselháveis, pois  podem originar acne. A melhor hipótese é usar os esfoliantes químicos (cremes compostos principalmente de ácidos) e, também, lavar a cara com produtos que contenham ácido glicólico ou salicílico. Uma vez que estes ajudam a remover a sujidade e penetram melhor na pele.
PELE SENSÍVEL
Quando temos pele sensível, o mais aconselhável são esfoliantes à base de enzimas de frutas ou plantas, pois são mais suaves. Além disso, são também purificadores.

PELE MISTA
A pele mista caracteriza-se pela zona T oleosa (testa, nariz e queixo) e pelas bochechas secas portanto, é necessário adequar o tipo de esfoliação ás necessidades da mesma. Assim sendo, adicione um pouco de água com bicarbonato de sódio, para um atrito mais forte na zona T e, para as bochechas, basta suavizar a mistura com um pouco mais de água.