Escolha uma Página

Muitas coisas mudam no nosso corpo ( e não só) com o passar do tempo. Umas dessas coisas é a nossa pele, que a partir dos 50, pelas alterações que sofre, necessita de certos cuidados. Saiba, neste artigo. Como cuidar de si depois dos 50:

MANCHAS
Para atenuar as manchas, o laser de luz intensa pulsada, mais conhecido como IPL, é imprescindível. No caso dos lentigos solares e das telangiectasias, as chamadas aranhas vasculares, também pode ser usado porque, para além de iluminar a pele, fecha os poros.

MARCAS DA PASSAGEM DO TEMPO
Para melhorar o aspeto geral da pele, adote um ritual preventivo, que pode facilmente implementar no conforto do lar. Em casa, use linhas cosméticas mais completas e produtos com fórmulas inovadoras, como os séruns antioxidantes, os cremes com vitamina C e os cosméticos com poder regenerante desenvolvidos a partir de moléculas anti-idade.

RUGAS DE EXPRESSÃO:
Para eliminar ou simplesmente disfarçar, o botox é uma solução a considerar. “A toxina botulínica, combinada com ácido hialurónico, é o tratamento não-cirúrgico mais completo”, diz-nos o Cirurgião Falcão de Melo.

“A paralisia muscular provocada pela toxina, atenua as rugas de expressão e o ácido hialurónico preenche-as. Como a paralisia dura em média 12 semanas, e o ácido hialurónico de nove meses a um ano, o efeito complementar é ainda mais acentuado, tornando o tratamento mais consistente”, assegura ainda o especialista.

RUGAS LABIAIS:
Para este problema, também há solução. Nestas situações, o tratamento ideal é o ácido hialurónico (pelo seu efeito natural e por ter o efeito rejuvenescedor da expressão) ou o laser polifraccionado (ideal para apagar rugas finas). “Quando as rugas são muito profundas, a abrasão é eficaz”, refere o cirurgião plástico Falcão de Melo.